Ambiente de trabalho saudável: os benefícios de implementar na empresa

Conheça os fatores que compõem um ambiente de trabalho saudável e descubra como o coworking pode ser uma boa alternativa.

Ambiente de trabalho saudável

O brasileiro passa cerca de um terço do dia no ambiente de trabalho. Por isso, é essencial que o local seja seguro, agradável e saudável para os trabalhadores.

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), “Um ambiente de trabalho saudável é aquele em que os trabalhadores e os gestores colaboram para o uso de um processo de melhoria contínua da proteção e promoção da segurança, saúde e bem-estar de todos os trabalhadores e para a sustentabilidade do ambiente de trabalho (…)”.

A OMS ainda explica que hoje se sabe que um ambiente de trabalho saudável vai muito além de questões de segurança e saúde no local físico.

Para um ambiente saudável, é necessário atentar-se também ao ambiente psicossocial, à disponibilidade de recursos para a saúde pessoal e ao envolvimento da empresa com questões da comunidade.

Fatores que compõem um ambiente de trabalho saudável

1- Ambiente físico

Refere-se às questões de infraestrutura, como mobiliário, temperatura, ventilação, maquinário, limpeza, materiais e processos de produção no local de trabalho. Estes fatores podem afetar diretamente a segurança e a saúde dos trabalhadores.

2- Ambiente psicossocial de trabalho

Está relacionado à cultura organizacional, ou seja, atitudes, valores e práticas cotidianas que podem afetar o bem-estar físico e emocional. Hoje, se sabe que a saúde mental de um funcionário é tão importante quanto a saúde física.

3- Recursos para a saúde pessoal no trabalho

Este tópico trata de serviços de saúde que a empresa pode oferecer para contribuir para a melhora da saúde do trabalhador. Por exemplo: oferecer sessões de alongamento durante o expediente ou facilitar o acesso a médicos e dentistas.

4- Envolvimento da empresa na comunidade

As empresas têm o poder de exercer impacto sobre as comunidades em que atuam e vice-versa. A firma pode trabalhar em conjunto com a comunidade para a revitalização de uma praça da região, por exemplo.

Coworking como alternativa

Criar um ambiente de trabalho que atenda a todas as recomendações da OMS podem ser difícil e custoso. Por isso, uma boa alternativa são os espaços de coworking.

Coworking é uma nova tendência de modelo de trabalho, no qual as pessoas compartilham o espaço de trabalho.

Ter um escritório próprio gera muitos gastos, como aluguel, água, luz, entre outros. Em um coworking, a empresa paga um valor e pode usufruir de um ambiente de trabalho saudável e completo.

Vantagens de trabalhar em um coworking

– Interação com profissionais diversos

Em um coworking, o profissional tem a oportunidade de interagir com pessoas de outras áreas. Esse tipo de relacionamento estimula o networking e contribui para a saúde mental.


– Custo menor

Ter um espaço próprio custa caro. Através de um coworking, o empresário tem acesso a uma estrutura completa por um preço menor.

– Ambiente estimula a criatividade

Estar em um ambiente agradável, convivendo com pessoas de diversas áreas, possibilita uma rica troca de informações, o que estimula a criatividade.

– Diferentes ambientes

Em um mesmo coworking, existem várias opções de ambiente de trabalho. O profissional pode alugar uma sala reservada em um dia e em outro ficar em um espaço aberto e compartilhado com várias pessoas, por exemplo.

– Aumento de produtividade

Quem vai para um coworking, quer trabalhar. O profissional não tem tantas distrações e consegue focar nas suas tarefas. Por outro lado, tem um bom ambiente de trabalho para interagir e descansar durante as pausas.

Existem vários planos de coworking de escritório virtual, mesas, salas dedicadas e grandes espaços.

Um modelo de coworking completo é o espaço da Gowork LAB na avenida Paulista.

Com localização privilegiada, o ambiente conta com instalações modernas, quadra, jogos e até uma praia. Conheça mais sobre o espaço no site da Gowork .