Saiba porque um dos maiores empreendedores da história fez tanto sucesso

Estamos fazendo uma série sobre os maiores empreendedores da história, e não por menos começamos por Steve Jobs.

Steve Jobs Steve Jobs[/caption]

Conheça a trajetória de Steve Jobs,

empresário que revolucionou a história dos computadores pessoais, telefones celulares, filmes de animação e música.

Nem todo mundo sabe que Steve Jobs não foi somente o fundador da Apple, empresa multinacional de produtos de tecnologia. Ele também foi um empreendedor que se revolucionou em cada etapa da sua carreira e esteve à frente de muitos do seu tempo. E se você enfrenta desafios diários para se manter enquanto empreendedor, Steve Jobs certamente é um grande exemplo de superação e sucesso.
Steve nasceu numa família síria,no dia 24 de fevereiro de 1955, em São Francisco, Califórnia. Filho de Abdulfattah Jandali e Joanne Schieble, que o deixou para adoção, sendo criado por Paul e Carla Jobs. Em 1972, ele ingressou no Reed College, em Portland, Oregon, mas sem condições de pagar pelo curso, abandonou os estudos depois de seis meses. No mesmo ano ele conheceu Steve Wozniak, engenheiro elétrico e programador de computadores, com quem abriu uma pequena fábrica que funcionava na garagem de sua casa. A partir disso, começaram os lançamentos da marca Apple. O primeiro computador da marca surgiu com um acordo entre Jobs e o dono da loja The Byte Shop, por meio do qual ele e sua equipe tinham de construir 50 máquinas em um período de 30 dias. Após trabalhar dia e noite, a pequena equipe de desenvolvedores conseguiu entregar as unidades do Apple I, obtendo sucesso no meio que encontraram para financiar a companhia sem a necessidade de investidores externos.

O primeiro grande sucesso,

entretanto, veio com o lançamento do Apple II, que se destacava pelo display de qualidade e teclado muito melhor do que os demais modelos da concorrência. A ideia que impulsionou o desenvolvimento era de que as pessoas pudessem usar o computador logo ao tirá-lo da caixa. Milhões de unidades foram vendidas e o Apple II passou a ser sinônimo do que se entendia por computador. Apesar de todo esse sucesso, a Apple passou por problemas nos anos posteriores e Jobs foi afastado da sua própria empresa por divergir das estratégias de venda.

Após o afastamento, Steve Jobs criou uma empresa para desenvolvimento de softwares, a NeXT, pautada pelos mesmos ideais de inovação da sua empresa anterior.

Steve Jobs inovou

e comprou a companhia de computação gráfica PIXAR, contratada pela Walt Disney para produzir vários longas e curtas-metragens de animação, tornando-se o acionista majoritário da Disney. Em seu percurso, a visão empreendedora sempre foi o seu ponto forte, sabendo como e onde apostar com foco na obtenção de resultados. Afinal, não seria para menos que o cara cujo slogan da empresa é “pense diferente” e que dizia que “a jornada é a recompensa” não fosse um grande visionário.
Em 1996, a NeXT foi comprada pela Apple e Steve reassumiu os cargos de consultor e CEO, voltando ao papel de principal executivo da companhia, corrigindo erros e desvios que a fizeram perder espaço. A partir disso, a Apple passou a construir sua trajetória de sucesso. Entre os produtos revolucionários apresentados por Jobs estão o iPod e iTunes, que fizeram com que a indústria fonográfica fosse obrigada a se reinventar no mundo da música digital.

Outro grande sucesso

se obteve com o lançamento do iPhone, apresentado em 2007, e o Ipad. Ao longo dos anos, Steve Jobs consolidou a sua imagem pessoal de forma marcante, gerando imenso alvoroço quando anunciava o lançamento de algum novo produto.
Deparar-se com a trajetória de Steve Jobs é perceber que um empreendedorismo de sucesso não acontece facilmente, pois requer resiliência e força de vontade. Mais do que simplesmente ocupar o cargo de uma poderosa companhia, Steve se tornou um ícone cultural a partir da popularidade dos ensinamentos tirados da sua experiência de liderança e inovação.
Recomendamos um talk incrível que ele fez na cerimônia de formatura de uma universidade, palestrando com toda a consistência da sua carreira mesmo sem nunca ter se graduado.
E se você quer ler mais sobre a carreira de Steve Jobs, indicamos os livros: