7 dicas para reduzir o custo de aluguel do escritório em São Paulo

O custo com aluguel de escritório é um dos itens que mais consome o orçamento dos empreendedores, startups e pequenas empresas.

7 dicas para reduzir o custo de aluguel do escritório em São Paulo

Mais e mais pessoas estão optando por se juntar a espaços de Coworking, uma tendência que beneficia todo tipo e tamanho de empresas que não podem gastar muito com o aluguel de escritório.

Os espaços de Coworking oferecem a um setor de trabalhadores anteriormente negligenciado um lugar para ter sucesso e trocar experiências.


Além disso, os escritórios compartilhados preenchem uma lacuna necessária, oferecendo aos membros contratos de curto prazo em espaços bonitos e colaborativos, ajudando assim com a sua imagem, moral da equipe e com a flexibilidade do espaço.

Como existem inúmeras vantagens estratégicas para profissionais e empresas reduzirem os custos com o espaço de trabalho e serviços.

Sendo assim escolhemos 7 dicas que vão ajudar a sua empresa a se beneficiar economicamente do Coworking e economizar até 40% com os custos com escritório. Além de aumentar a produtividade. Confira!

1. Espaço flexível

Qualquer empresa que queira expandir se arrisca quando aluga um espaço de escritório. Se crescer demais, corre o risco de precisar se mudar.

Se passar por momentos difíceis, pode ter que arcar com um espaço muito grande e caro até o fim do contrato. Alugar um escritório de Coworking livra você dessa preocupação.

Alugue o tamanho exato ou a quantidade de cadeiras que você precisa inicialmente, e o provedor normalmente permitirá que você se mude para espaços maiores no prédio quando sua empresa crescer.

2. Redução significativa de custos com pessoal

Os escritórios de coworking normalmente têm funcionários, como recepcionistas e serviços de limpeza.

Isso significa que você pode se beneficiar da equipe interna, que pode realizar algumas tarefas no local, sem a necessidade de empregar e pagar salários para uma pessoa dedicada ao cargo.

Às vezes, você pode precisar pagar uma taxa extra de pagamento por uso para a equipe de serviço de suporte, mas isso é mínimo comparado aos encargos de contratar uma pessoa.

3. Pague pelo escritório, não pelas instalações

Ao contrário de um aluguel de escritório, você paga apenas pelo espaço que realmente precisa em um escritório no sistema de Coworking.

As instalações como banheiros, cozinhas, salas de reuniões e salas de descanso são instalações comuns gerenciadas.

O provedor de escritório de Coworking cuida disso para que você tenha que pagar somente pelo espaço da mesa que usa. Isso pode proporcionar uma enorme economia para as empresas, que de outra forma teriam que pagar aluguel em toda a área interna.

Hoje já existe soluções inteligentes para Aluguel de Sala Comercial, toda mobiliada, sem necessidade de fiador e contrato flexível.

4. Já vem mobiliado!

Ao alugar um escritório de Coworking, você não precisa se preocupar com cadeiras, escrivaninhas, gavetas ou armários. Além disso, o espaço será decorado e poderá ser configurado a pedido.

Quando você aluga um escritório, geralmente precisa comprar móveis, pois esses espaços são tipicamente vazios.

Sabemos que o custo inicial para montar um escritório é alto, além dos móveis, outros itens também podem ser necessários, como: ar condicionado, persianas, geladeira, cafeteira, acessórios banheiros, equipamentos de TI (roteadores, cabos de rede), etc. Tudo isso já está pronto dentro de um Coworking.

5. Custos com manutenção reduzidos (ou zero)

Os custos de manutenção não serão mais motivo de frustração quando você se mudar para um escritório em regime de Coworking. Quando o ar condicionado quebra, o prédio fica no escuro ou o banheiro fica entupido, isso não será problema seu.

Em um escritório de Coworking, esses problemas inevitáveis são cobertos pelo provedor do espaço de trabalho, o que significa que você economiza em manutenção.

6. Sem gastos com imobiliárias

Muitas vezes, a fim de adquirir um espaço de qualidade e garantir que obtenha um acordo justo ao negociar o contrato, você precisará usar uma imobiliária ou agente. Pode ser um custo por hora ou uma porcentagem do aluguel de escritório. De qualquer forma, é um custo adicional.

Os escritórios de Coworking são mais simples e fáceis de localizar — muitas vezes, é tão fácil quanto alugar um quarto de hotel. https://www.gowork.com.br/

7. Networking

Embora isso não seja tecnicamente um ponto de economia de dinheiro, as oportunidades de fazer contatos em espaços de Coworking podem fornecer uma fonte extra de receita e ajudar no crescimento de sua empresa.

Os escritórios de Coworking estão repletos de empresas de pequeno e médio porte, e as possibilidades de networking são infinitas.

Quer saber como fazer networking? e-Book “6 Técnicas Para Conquistar Novos Clientes Em Um Coworking” https://landingpage.gowork.com.br/e-book-6-tecnicas

Reduzir custo de escritório é possível sim. A estrutura de um Coworking é uma alternativa viável.